1 comentário:
De Marcelzero a 27 de Março de 2008 às 11:16
é meu caro, realmente eramos mais felizes na nossa infância...
E que belo poema vc fez! profundo demais... até chorei...


Comentar post